Notícias

Município do Entroncamento Implementa Plano Local de Leitura

O Município do Entroncamento assinou no passado dia 6 de março o Acordo de Parceria com o Plano Nacional de Leitura 2027, com o objetivo de promover hábitos de leitura em crianças, jovens e adultos, através de várias atividades integradas no Plano Local de Leitura.

Março é o mês do Livro e da Leitura e marca assim o arranque deste Plano Local, que terá por base as linhas estratégicas do PNL e que se pretende ambicioso envolvendo as famílias, escolas, associações e entidades públicas e privadas do concelho.

O Plano Nacional de Leitura lançou o repto a uma dezena de autarquias, entre as quais o Entroncamento, uma vez que reuniam um conjunto de condições e características para iniciar este trabalho conjunto, nomeadamente os planos de leitura em desenvolvimento e a experiência na promoção da leitura, do trabalho com escolas, bibliotecas e outros agentes educativos e culturais.

A vereadora Tília Nunes refere que “O Plano Local de Leitura implementará várias ações no âmbito da formação, conferências, concursos e projetos com impacto nas práticas de leitura da comunidade em geral, reforçando desta forma o compromisso e a responsabilidade do Município na promoção da literacia.”

Ler +Município do Entroncamento Implementa Plano Local de Leitura

Escola Dr. Ruy D’Andrade do Entroncamento Recebe Recursos Didáticos Inovadores

O Município do Entroncamento, na pessoa da Vereadora com o pelouro da educação, Tília Nunes, entregou no passado dia 8 de fevereiro, na Escola Ruy D’Andrade equipamentos tecnológicos no âmbito do programa PEDIME “Interaje + Aprendizagem Colaborativa”.

Esta iniciativa do Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar, “pretende criar Centros de Tecnologias, que possam ser utilizados regularmente pelos professores e alunos e que disponibilizam novas dinâmicas de aprendizagem através das TIC”, afirma a vereadora da educação.

Os alunos do 2º e 3º Ciclo da Escola Ruy D’Andrade passam a ter disponíveis recursos didáticos inovadores de forma a incrementar o processo de ensino-aprendizagem, nomeadamente tablets, computadores e equipamento de gravação e edição de vídeo.

Estes equipamentos integram a operação do Plano Estratégico de Desenvolvimento Regional de Educação no âmbito do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial do Médio Tejo com o apoio do Centro 2020. 

Ler +Escola Dr. Ruy D’Andrade do Entroncamento Recebe Recursos Didáticos Inovadores

O Município do Entroncamento Associou-se ao Projeto Plantar Portugal

Nos passados dias 27 e 28 de novembro, o Município do Entroncamento associou-se ao Projeto Plantar Portugal – Semana da Reflorestação Nacional, que decorre entre os dias 15 e 30 de novembro, e organizou uma plantação de sobreiros no Parque Verde do Bonito, com a colaboração de alunos do concelho.
Esta é uma iniciativa que se realiza todos anos por altura da celebração do Dia da Floresta Autóctone com o objetivo de promover uma cidadania ativa e unir a sociedade em torno do desígnio de tornar Portugal um país mais sustentável, através da valorização das florestas, agricultura e meio ambiente.
Durante estes dias, Escolas, Freguesias e Municípios unem-se a este movimento e durante uma semana vão ao encontro da floresta para Vivenciar, Proteger e Plantar Portugal, respeitando a biodiversidade e as espécies autóctones.
No Entroncamento associaram-se à Semana da Reflorestação Nacional cerca de 200 crianças das Escolas Básicas e Jardins de Infância do Agrupamento de Escolas Cidade do Entroncamento, Infantário Encoprof, Jardim Escola João de Deus, Escola Rumo ao Futuro e Colégio dos Navegantes.

17 janeiro - “Já Sei Ler: Um Projeto de Leitura em Voz Alta”

O Município do Entroncamento aposta na promoção da leitura dos alunos do 1.º ano de escolaridade

O Município do Entroncamento, através do Gabinete de Educação, apoia a realização no próximo dia 17 de janeiro de “Já sei ler: um projeto de Leitura em Voz Alta”, uma atividade de promoção da leitura dirigida aos alunos do 1.º ano de escolaridade das escolas do concelho.

Esta atividade dinamizada por Sandrina Esteves, do ISEC Lisboa – Instituto Superior de Educação e Ciência e do Plano Nacional de Leitura pretende promover estratégias que fomentem a leitura em voz alta, com vista ao desenvolvimento de uma leitura fluente e compreensiva e perceber ainda o impacto que o projeto Já sei ler do Plano Nacional de Leitura possa ter nas práticas de leitura futuras das crianças do 1.º ciclo do ensino básico.

Não nascemos leitores, aprendemos a ler e a gostar de ler, se as nossas aprendizagens e experiências o permitirem. Nesse âmbito a vontade de ler, mais e melhor passa por estratégias utilizadas pelos diferentes intervenientes no processo educativo, nomeadamente a escola e a família.

Ler +17 janeiro - “Já Sei Ler: Um Projeto de Leitura em Voz Alta”

Cerca de 1500 alunos do Pré-escolar ao Secundário e Instituições Visitaram o Vaivém Oceanário no Entroncamento

Cerca de 1500 alunos do Pré-escolar ao Secundário, Instituições e famílias visitaram o Vaivém Oceanário, que esteve no Entroncamento, entre os dias 19 e 25 de novembro.
Direcionado para as escolas e público em geral, este projeto de educação ambiental em movimento do Oceanário de Lisboa “tem como objetivo envolver de forma ativa todos os que o visitam para que se tornem agentes de mudança e contribuam para a conservação do oceano e da biodiversidade marinha”.
Entre os dias 19 e 23 de novembro, das 9h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h00, cerca de 1500 alunos do pré-escolar ao secundário e igualmente algumas instituições exploraram o maior ecossistema do planeta, residência de mais de 238 mil espécies marinhas e onde há muito por revelar. Nesta viagem de ida e volta, todos aprenderam que o oceano precisa de nós e como podem ajudar a combater uma das maiores ameaças que o oceano enfrenta: o plástico.

Ler +Cerca de 1500 alunos do Pré-escolar ao Secundário e Instituições Visitaram o Vaivém Oceanário no...